5 fortes razões para investir em marketing digital

Segundo apontam diversas pesquisas realizadas nos EUA, os investimentos em marketing digital por parte das empresas superaram os gastos em marketing tradicional no ano de 2015. Pouco tempo depois esta tendência se confirmou aqui no Brasil também. Este é um movimento global, acelerado e irreversível, que se deve às muitas vantagens do marketing digital sobre o tradicional.

Vejamos a seguir 5 grandes vantagens que são capazes de alavancar as vendas de qualquer empresa que saiba usá-las a seu favor.

 

AGILIDADE

Imagine que você tem uma loja de roupas femininas e deseja fazer uma grande ação de divulgação com o objetivo de alavancar as vendas de final de ano. Para isto você precisa atingir a maior parcela possível do seu público-alvo: mulheres, de classe média, de 25 a 39 anos e que moram em Goiânia. Provavelmente a mídia tradicional mais adequada será a TV. Comerciais nos intervalos das novelas, por exemplo, entre 18 e 22 horas, tem boas chances de alcançar mulheres potencialmente interessadas no seu produto.

Pra fazer isto, você vai precisar contratar uma agência de publicidade, uma produtora de vídeo, modelos, cabeleireiros, maquiadores, decidir sobre a melhor lugar para fazer a gravação e mais uma infinidade de outros detalhes para conseguir gravar um simples vídeo de 30 segundos para a TV. Pode levar dias para que o seu comercial esteja no ar, dependendo do porte do projeto, até várias semanas !

Uma mídia alternativa, digital, poderia ser uma rede social, como o Facebook ou Instagram. Com algumas fotos bem produzidas, textos curtos, persuasivos e bem escritos, ou até vídeos gravados diretamente do seu smartphone, você pode criar você mesmo uma campanha de divulgação muito bem sucedida em questão de minutos ! É uma verdadeira revolução no universo da publicidade !

 

INTERATIVIDADE

Seguindo o mesmo exemplo acima, suponhamos que finalmente o seu comercial vai ao ar na TV. Foi veiculado em horário nobre, no intervalo da novela das 9 da Rede Globo. Tranquilamente mais de 100 mil mulheres assistiram em Goiânia, talvez até 200, 300 mil ! Agora só resta esperar e torcer para ter bons resultados em vendas. O seu comercial vai ser exibido mais algumas vezes, ao longo dos próximos dias. Com sorte, pode acabar atingindo meio milhão de potenciais clientes !

Enquanto aguarda o retorno e o lucro tão esperado, você pensa como seria bom se você pudesse conversar pessoalmente com várias dessas mulheres e perguntar a elas o que acharam do comercial, da sua marca, dos seus produtos. Na verdade, este era um sonho antigo de todos os publicitários (e também daqueles que pagam pela publicidade). Desde o surgimento do rádio, há mais de 1 século, até a TV, que está completando 70 anos, a comunicação de massa tem sido sempre uma via de mão única.

Este sonho começou a se realizar há pouquíssimo tempo, menos de 10 anos atrás. As redes sociais como o Facebook e o Instagram se transformaram em ferramentas poderosas para descobrir o que os seus clientes e as pessoas de um modo geral pensam a respeito da sua empresa. A publicidade deixou de ser um monólogo e passou finalmente a ser um diálogo.

A sua campanha, veiculada agora no Facebook, no lugar da TV, irá te fornecer um precioso feedback das pessoas que a sua mensagem atingir. Os famosos botões curtir, comentar e compartilhar são a chave de tudo. As curtidas vão permitir você saber rapidamente se seu anúncio está agradando ou não, os comentários vão possibilitar esclarecer as dúvidas, contornar as objeções, iniciar e aprofundar relacionamentos, enquanto os compartilhamentos vão levar a sua mensagem ainda mais longe através da incomparável força da recomendação boca a boca.

 

SEGMENTAÇÃO

A sua campanha hipotética veiculada da TV atingirá boa parte das mulheres que estiverem assistindo à Rede Globo no momento, de todas as idades e classes sociais, assim como homens e crianças. Não há como direcionar a mensagem para um público específico. O problema disto é que o anunciante acaba pagando o preço por todas as pessoas atingidas o que gera um grande desperdício de dinheiro.

Existe um outro problema na falta de direcionamento, você não consegue exibir anúncios diferentes para segmentos do seu público-alvo. Suponhamos que sua loja tenha roupas para jovens de 20 anos e senhoras na faixa dos 50 anos. O ideal seria ter mensagens diferentes, cada uma com uma linguagem própria, mostrando produtos e destacando benefícios relevantes para um público específico. Na impossibilidade de se fazer isto, as mensagens tendem a ser mais genéricas, reduzindo o seu poder de persuasão.

Estes problemas são facilmente resolvidos se você utilizar como meio uma rede social como o Instagram. A segmentação por gênero, faixa etária, região geográfica, interesses específicos e até faixa de renda permite uma precisão nunca antes conseguida na história da publicidade de massa. É um tiro com mira laser !

 

MENSURAÇÃO

Voltando ao nosso comercial na TV, você investiu um bom dinheiro na esperança de ter um retorno positivo em vendas. Agora só resta esperar. Não há como você fazer um teste, investindo um pequeno valor pra ver qual será o resultado. É tudo ou nada, o investimento é alto e o risco também. A sua campanha pode ser um sucesso retumbante ou um fracasso total !

É muito difícil medir os resultados de ações no marketing tradicional, seja na TV, rádio, revista, jornal, outdoor ou outro meio offline. Muitas vezes a única medida é o resultado em vendas. O desafio é ainda maior quando se investe em mais de uma mídia simultaneamente. Como saber qual delas trouxe mais resultado ? Em qual delas vale investir mais e qual deve-se reduzir ou abandonar ? Por falta de informação clara, o anunciante vive tateando o escuro, sem saber ao certo para onde está indo. Como diz a máxima, o que não pode ser medido não pode ser administrado.

Como o marketing digital é possível medir o retorno de cada centavo gasto em publicidade, mesmo que existam vários anúncios em diversas mídias sendo veiculados ao mesmo tempo. Quantos usuários visualizaram a mensagem, quantos clicaram, quantos acessaram o seu site e todo o caminho percorrido até o momento em que a venda é concretizada. É possível saber em tempo real o perfil detalhado das pessoas atingidas, quais compraram, quais desistiram na hora de pagar, quais nem se interessaram e mais uma infinidade de informações estratégicas. Quem divulga online acaba conhecendo muito melhor o seu público.

 

PREÇO

O marketing tradicional, com suas mídias offline, não vai deixar de existir com o surgimento da internet, assim como o rádio não acabou com a invenção da televisão. Cada um dos meios vai continuar tendo a sua importância, o seu lugar. O que já está acontecendo é uma redistribuição desta importância e das verbas publicitárias destinadas a cada mídia pelas empresas anunciantes.

Grandes empresas, com orçamentos milionários, vão continuar investindo em várias mídias ao mesmo tempo, sejam digitais ou não, online ou offline, como forma de terem uma presença maciça onde quer que o público esteja. Entretanto, esta estratégia é completamente inviável para pequenas empresas. Para elas o segredo é investir com inteligência.

Todas as vantagens já mencionadas do marketing digital (agilidade, interatividade, segmentação e mensuração) geram o maior de todos os benefícios para o pequeno anunciante: o custo reduzido. A internet democratizou a publicidade e criou um espaço onde todos podem concorrer com mais igualdade. Bastam 10 reais por dia (um pão de queijo e um cafezinho) 😀 pra no final do mês você ter conseguido levar a sua mensagem para milhares de pessoas !  É uma nova era que se inicia agora !

Deixe uma resposta